Premiação 2015

12 de Novembro de 2015


PREMIAÇÃO - 2015

COMPETIÇÃO INTERNACIONAL

Prêmio do Público

JACKIE / DZEKIS , de Gledrius TAmozevicius, Lituânia, 2014

Menção Honrosa

Pela habilidosa construção de um universo particular onde os laços familiares são representados em sua paradoxal potência protetora e autodestrutiva.

MIAU MIAU FOFURA, de Erwan Le Duc, França, 2015.

Prêmio de Excelência Técnica e Artística – categoria especial criada em celebração aos 25 anos do Festival Curta Cinema

Pelo cuidadoso trabalho de som, onde música tonal e atonal é trabalhada como uma grande composição sonora conceitual que delineia personagens e conduz a narrativa.

DISSONANTE / DISSONANT, de Jurgen Willocx, Bélgica, 2015

Prêmio de Inovação em Linguagem – categoria especial criada em celebração aos 25 anos do Festival Curta Cinema

A partir de um plano silencioso do começo do século, possivelmente um zeitgeist da era fordista, Juan Millares elabora uma construção fílmica de contradições: ao tomar a concretude do real como primazia da vida, embarca numa elegia ao cinema.

MEMORANDO / MEMORANDUM, de Juan Millares, Espanha, 2014

Prêmio Especial do Júri

Pelo registro sóbrio e conciso de uma realidade implacável, onde o indivíduo marginalizado é colocado em tensão permanente até mesmo com os poucos bens e serviços a que tem acesso, fornecendo uma imagem objetiva sobre as fissuras do capitalismo avançado.

HOTEL 22, de Elizabeth Lo, EUA, 2015

Melhor Direção

Pelo exímio trabalho com a câmera, sempre consciente de quando deve se aproximar ou se afastar dos sujeitos em cena, pelos seus belos cortes ao céu, impondo um fluxo único entre a multidão e o indivíduo e por compreender a profunda e incomensurável perda de uma tragédia. Em um único plano, Morgan Knibbe se afasta do jornalismo para apontar seu problema crucial: afastar-se das pessoas e suas estórias – está dada a missão antagônica do cinema.

SHIPWRECK, de Morgan Knibbe, Holanda, 2014

Grande Prêmio Curta Cinema 2015 - Melhor Filme

pela inventividade de uma narrativa de elipses, onde o plano, sem nunca fugir do mesmo enquadramento, nos aufere uma ambiência de estados prioritariamente pela luz e cor. Um filme sobre a solidão em guerra, mas também sobre a coragem de guerrear.

À DISTÂNCIA / IN THE DISTANCE, de Florian Grolig, Alemanha, 2015

Premiação Júri Jovem 2015

Menção Honrosa

SHIPWRECK, de Morgan Knibbe, Holanda, 2014

SANDRINO, de Camila Luna Toledo, Chile 2015

Melhor Filme

HOTEL 22, de Elizabeth Lo, EUA, 2015

 

COMPETIÇÃO NACIONAL

Prêmio do Público

OUTUBRO ACABOU, de Karen Akermann e Miguel Seabra Lopes, Brasil-Portugal, 2015

Prêmio de Excelência Técnica e Artística – categoria especial criada em celebração aos 25 anos do Festival Curta Cinema

O CASTELO, de Alexandre Wahrhaftig, SP, 2015

Prêmio de Inovação em Linguagem – categoria especial criada em celebração aos 25 anos do Festival Curta Cinema

OUTUBRO ACABOU, de Karem Akermann e Miguel Seabra Lopes, Brasil-Portugal, 2015

Prêmio Especial do Júri

TARÂNTULA, de Aly Muritiba e Marja Calafange, PR, 2015

Melhor Direção

AUTO COPA PARK, de João Atala, RJ, 2015

Grande Prêmio Curta Cinema 2015 - Melhor Filme

SEM VOCÊ A VIDA É UMA AVENTURA, de Alice Andrade Drummond, SP, 2015. 

Premiação Júri Jovem 2015

Menção Honrosa

TARÂNTULA, de Aly Muritiba e Marja Calafange, PR, 2015

MONSTRO, de Breno Batista, CE, 2014

O QUEBRA CABEÇA DE TARIK, de Maria Leite, MG, 2015

Melhor Filme

OUTUBRO ACABOU, de Karem Akermann e Miguel Seabra Lopes, Brasil-Portugal, 2015

 

PANORAMA CARIOCA

Melhor Filme pelo voto do público

ATÉ A CHINA, de Marcelo Marão, Rio de Janeiro/Brasil, 2015

  

PANORAMA LATINO-AMERICANO

Melhor Filme pelo voto do público

DIALÉTICA, de Fabián Moraga Zepeda, Chile, 2015

 

PRÊMIO CURTA RIO

Melhor Filme pelo voto do público

LÁ DO ALTO, de Luciano Vidigal

 

PRÊMIO CANAL BRASIL
TARÂNTULA, de Aly Muritiba e Marja Calafange.

 

PREMIAÇÃO DAS ATIVIDADES PARALELAS

Laboratório de Projetos de Curta-Metragem

Melhor Projeto Nacional

A ESPERA DOS BÁRBAROS, de Matheus Rufino Gonçalves de Oliveira

Melhor Projeto Carioca

DENTES CERRADOS, de Guilherme Macedo

Menção Honrosa

HOJE VAI TER DE NOITE, de Rafael Nascimento

PATROCÍNIO
PROMOÇÃO
APOIO
REALIZAÇÃO